Desenhando roupas parte 2. Drapeados.

Desenhando roupas.
Parte 2.
Drapeados.


Passa no meu Deviantart, lá posso te explicar melhor sobre a origem das estrelas.

E não menos importante passe na minha lojinha se houver algo que você precise por favor  fique a vontade para perguntar... Eu só não vendo tomates ok...




E ai galera  como vão?

Gostaria de saber a opinião de vocês sobre a mudança de data nos posts do blog, alias por favor  visitem os posts com a marcação "projetos haw" estou contando com a ajuda de vocês para continuar com o projeto que estou desenvolvendo.

Vamos ao que interessa?

Hoje vou falar sobre drapeados, é algo  fácil de  fazer, mas exige um pouco de atenção na hora de desenhar.

Primeiro vamos  definir o que é um drapeado.

Deem uma lida no texto o wiki: pt.wikipedia.org/wiki/Drapeado

No popular o drapeado são as dobras e vincos que se formam nas roupas, dependendo da roupa e do tecido o drapeado vai ser mais ou menos aparente.

Vamos simplificar com um desenho.


Vamos a uma breve explicação sobre o desenho.

O primeiro de manga longa e social é mais coloca ao corpo e não é tão leve, portanto não sofre tanto com o movimento de ação e reação, perceba que o drapeado aumenta muito na região da dobra do braço o drapeado segue o movimento de caimento da  roupa seguindo a dona gravidade.

Aqui na verdade parece mais um estudo de leis das físicas de Newton, e não deixa de ser verdade.

A segunda roupa é uma manga longa no estilo de roupas japonesas (yukatas) a parte mais longa da manga é leve e solta portanto é mais sujeita a deformações pelo movimento da personagem, isso  gera os drapeados na roupa.

Reparando bem de maneira geral os drapeados  vão surgir mais onde houver as articulações do personagem, cotovelo, joelho, ombros, cintura, o caimento da roupa também influência muito, tecidos mais leves sofrem mais deformação de movimento, diferente de tecidos mais pesados que sofrem menos com o movimento e tem drapeados mais marcantes.

Vamos a outro desenho.


Neste fanart que eu fiz da Tomoyo de Clannad exitem muitos exemplos do drapeado e vincos, os vincos são dobras feitas com a costura da roupa (eu não vou ficar explicando muito se não vamos perder o foco) e os drapeados, aqui nos temos alguns elementos que vou explicar com uma sequência de exemplos então vamos ao primeiro ponto.

  • Dobras de movimento.
A dobra causada pelo movimento pode ter duas origens:

1 movimento do personagem.
2 movimento do ambiente.

Ambos tem de seguir uma linha de expressão que não fuja da realidade para o desenho  ganhar naturalidade no movimento.

- Haw isso é uma regra?
- Não meu amigo fã de Sword Art não é uma regra, mas ai iriamos entrar em outro assunto e não vamos perder o foco.


Neste exemplo eu destaquei em verde o movimento causado pelo ambiente e em vermelho o movimento causado pela personagem.

Percebam que a blusa dela não se movimenta tanto seguindo o ambiente, diferente da saia e da gola de marinheiro que são tecidos mais leves e soltos. Quando a roupa é mais presa ao corpo ela não vai obedecer os movimentos do ambiente e sim o movimento do corpo da personagem. Esse é um conceito bem simples de se perceber.

As setas em verde causam o movimento do "vento" na imagem,  isso fica mais  definido com as folhas de cerejeira  voando na direção das  setas, percebam que o vento muda sua direção quando se choca com a personagem (seta indicando o movimento da gola de marinheiro)

As setas em vermelho são as dobras que eu disse anteriormente, elas dão sensação de  volume na roupa da personagem o tecido envolve o corpo da mesma definindo suas  curvas, por exemplo a indicação no seio que marca o volume do mesmo, e as indicações nas  juntas os drapeados dão a sessação que o braço é realmente um "cilindro" e não apenas uma imagem  chapada.

Duas dica importante: 

Observe a roupa e as pessoas, isso vai aumentar a sua percepção sobre movimentação.
Desenhe pelo menos um personagem com a mesma roupa em três poses diferente, eu sempre repito essa dica pois ela é muito importante.

Vamos a mais uma explicação.

A roupa envolve a forma que ela cobre, outra coisa obvia, mas há um detalhe, cada tecido tem um caimento diferente e se eu fosse falar sobre isso teríamos que reencarnar várias vezes até eu terminar o assunto, então vamos pelo conceito básico.


Acho que a imagem já se explica, as linhas de movimento nesse caso estão presas ao movimento do personagem, percebam que a roupa obedece a gravidade, as dobras na parte posterior do joelho dão a sessação de volume, esse movimento é cilíndrico obedecendo a forma básica do membro inferior, na barra da calça vemos um pequeno movimento que obedece ao caindo do pé causando uma dobra, esse drapeado também dá a impressão de volume fazendo a imagem não parecer um objeto chapado.


Neste caso vemos de forma mais simples como movimentos opostos também podem ser usados, no caso seria como se a personagem desse um passo a frente e abaixando os braços  rapidamente, o tecido nas partes mais soltas vão obedecer o movimento da personagem e do ambiente, e isso trás o aspecto de um tecido leve.

Sugestão de exercício. 

Na internet tente desenhar  6 roupas diferentes, 3 dessas bem coladas ao corpo e 3 mais soltas, ao estudar preste atenção nos drapeados  vincos e peso do tecido.

Outra sugestão e mais válida, saia de casa com um caderno de desenho e observe as pessoas, tente desenhar pelo menos  6 pessoas ou mais, isso vai aumenta a sua percepção do movimento. A observação é tudo no desenho.

Bem galera continuaremos com mais matérias sobre roupas na próxima semana não se esqueçam de comentar e de compartilhar as matérias, terça feira farei mais um relatório sobre o andamento do projeto até lá

Share this

Related Posts

1 comentários :

comentários
13 de outubro de 2015 11:06 delete

então os drapeados vão mais da roupa do que da personagem né?
entendi

Reply
avatar

Lembre-se eu vou ler seu comentário, apenas pense antes de escrever.

Contato

ricardohaw@gmail.com

Latest Post

Creative Commons

Licença Creative Commons
O trabalho Como Desenhar-mangá de Ricardo Haw está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://comodesenhar-manga.blogspot.com.br/.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://comodesenhar-manga.blogspot.com.br/.