Como criar bons hábitos de estudo. Motivacional!

A quanto tempo!


Como criar bons hábitos de 

estudo usando ferramentas da internet.

E outras dicas.

Aviso.

Se prepare para ler!




E ai galera a quanto tempo em?

Na verdade não ando tão sumido assim da internet, continuo postando meus trabalhos no Instagram e também continuo xingando muito no Twitter. 

Brincadeiras a parte. Quem me segue no Instagram @hawricardo consegue ver os desenhos que posto todos os dias, hoje cheguei a marca de mais de 600 publicações lá no Insta, bem já faz mais de um ano que eu estou postando meus desenhos por lá, para ser mais preciso comecei a postar meus desenhos no dia 2 de outubro de 2015 e até hoje não faltei um dia postando desenhos lá.

- Espera Haw, mas como tem mais de 600 publicações no seu insta se o ano tem 365 dias, e outra o que isso tem haver em criar bons hábitos de estudo?
- Muita calma nessa hora minha amiga fã de Show By Rock irei explicar.



Nem todas as fotos são desenhos, eu acabo postando uma outra coisa, se bem que ultimamente o foco tem sido maior nos desenhos, e muitas vezes eu não posto um desenho, as vezes posto processos de criação e as vezes eu faço desafios pessoais maiores como por exemplo em outubro quando eu fiz o desafio de desenhar 3 desenhos por dia. 

E o que isso tem haver com criar bons hábitos de estudo? A resposta é simples.

Quando estudamos e não temos apoio de ninguém acabamos desanimando pelo caminho largando o estudo de lado, mas se tivermos o apoio de alguém mesmo que seja para dar um like na sua arte já ajuda muito.

O que eu quero dizer é que não adianta nada você fazer o seu desenho ai na sua casa e esconder ele na gaveta, você tem que mostra-lo para o mundo todo.


Mesmo que seja apenas um esboço, ou um desenho ruim. É bacana você mostrar eles para todo mundo eu acredito de verdade que quando você compartilha sua arte você sentirá mais vontade de estudar.

Então vamos alongar um pouco mais essa explicação e de quebra vamos ter uma aulinha básica sobre "O que é arte"

A arte é feita de 3 elementos para ser considerada arte: 

1- O artista.
2- A Arte em si.
3- O espectador.


1- O artista é você sua missão e fazer alguma obra que carregue alguma mensagem seja ela qual for, essa mensagem pode estar implícita ou explicita, a arte é sua e você faz o que quiser com ela.

2- A arte é o seu trabalho, ela carrega toda a informação que você deseja passar, a arte contém toda a sua experiência, técnicas e estudos, a grande missão da arte é transmitir uma informação seja ela qual for.

3- O espectador é aquele que vê a arte e a compreende da maneira que ele bem entender, o espectador pode ser qualquer pessoa, portanto, a interpretação da sua arte será diferente para cada pessoa.


Se você não permite que existam espectadores para verem a sua arte ela nunca será arte, será apenas um desenho que você fez e ficou escondido do resto do publico, o que seria da Mona Lisa se ninguém nunca tivesse visto essa obra de arte?

Então de uma chance para seus desenhos serem vistos por outras pessoas e se prepare para receber as piores críticas possíveis, pois como eu disse acima o espectador pode ser qualquer pessoa. Mas não se preocupe com isso, muitas vezes criticas ruins são ruins por natureza e não devem ser levadas a serio, o importante é dar valor as pessoas que estão ali vendo seu o trabalho.

Eu aposto que você se sentirá bem ao fazer isso e que vai ter mais vontade de estudar.

E como eu disse acima se prepare para ler pois ainda não acabou.

Outra parte legal é fazer um diário de bordo. 



 Vida longa e prospera.


O diário de bordo que as vezes vemos em seriados como no Star Trek não é algo sem importância, ele é um importante registro para navegações na vida real, se encararmos nossos estudos como uma viajem deveríamos fazer um diário sobre isso.

Antigamente era complicado ter um gravador de voz, mas hoje em dia temos nossos celulares e alguns app bons que nos ajudam a gravar estes registros. 

Eu uso o Sound Clound: @hawrhaw

A ideia de fazer um diário de bordo não é para a publicação como um podcast que é todo profissional com vinheta e assuntos mais sérios, o diário de bordo é para você se recordar das coisas que você fez e quais são seus objetivos para o próximo diário de bordo. No meu caso eu não faço diariamente mas mensalmente  isso me da mais espaço para me planejar durante o mês. E como novembro já está acabando logo logo eu irei postar uma gravação falando sobre novembro e planejando dezembro.

- Ok Haw poderia me explicar melhor sobre esse diário de bordo, pois eu tenho muita vergonha de postar essas coisas acho minha voz muito estranha e sei lá acho que não iria funcionar para mim.
- Muita calma nessa hora minha amiga fã de Bastard.

Primeiro não se preocupe se sua voz é estranha, isso é o de menos, a ideia não é fazer uma gravação para ser divulgada, mas não poste ela no privado pois será muito bacana se alguém gostar do que você está falando e vocês começarem a trocar ideias sobre o assunto.

A grande missão desse diário e o registro dos seus planos e suas conquistas a ideia não é conquistar ouvintes e sim conquistar seus próprios objetivos, com  tempo a gente acaba se esquecendo das coisas que fizemos/planejamos. Poderíamos apenas escrever  um diário convencional, mas é muito diferente ouvirmos nossa própria voz falando com a gente.

(E como se estivemos conversando com nos mesmo só que no passado \o\)

Então vamos a algumas dicas do que falar na hora de gravar seu diário de bordo.

Fale sobre as coisas que você está fazendo no momento, seus desenhos trabalhos e estudos, não fale sobre as coisas negativas sobre problemas pessoais, e esses mimimis. A ideia é falar apenas sobre as coisas que realmente vão te ajudar a melhorar então para que ficar falando sobre coisas que não te ajudam em nada?

Fale sobre seus objetivos, seja clara quanto ao que você quer de verdade e não pense em objetivos grandes de mais, faça objetivos pequenos cada objetivo conquistado é um passo a frente na sua técnica.

Seja livre para falar, mas não perca o foco. Quando começamos a falar acabamos fugindo um pouco do assunto então tome cuidado, mantenha o foco de falar sobre seus trabalhos e sobre seus objetivos, é claro que você pode falar uma besteira ou outra isso é tranquilo, e não se preocupe com o tempo, se você tiver muita coisa para falar que esteja dentro do seu objetivo FALE! 

Fazer um registro de menos de 10 minutos é invalido, sempre passe essa linha de 10 minutos para forçar a sua criatividade.
  Bem com essas duas técnicas podemos começar a falar sobre a técnica de ouro para manter o hábito de desenhar todos os dias.

Desenhar todos os dias requer apenas que você pegue o lápis e um papel e comece a desenhar, APENAS ISSO.

A técnica de ouro é tão simples que parece que não funciona, mas sim posso dizer com toda a certeza do mundo: Ela funciona!

A base dessa ideia é desenhar sem compromisso, o hábito de desenhar sempre funciona como um carro antigo que está com problema na partida, você fica tentando dar a partida por horas até que uma hora ele funciona e não para mais.

Portanto pegue seu lápis e comece a desenhar, esqueça o compromisso de fazer um desenho bom ou de estudar algo, apenas desenhe. O desenho bom vai surgir e o estudo também vai aparecer eu garanto isso.

Para se manter organizado use cadernos de desenho, folhas soltas pela casa não ajudam em nada, o caderno mantém tudo organizado para você, então de preferência a eles. Eu sei que posso ter falado sobre isso em postagens anteriores e se estou falando de novo é por que você realmente precisa dar uma chance a essa técnica.

E por último a técnica de platina que vai te ajudar mais ainda a melhorar seu traço.

Encontre seu lugar ao sol minha amiga.


O que trava seu progresso é você mesma, desculpe dizer isso, mas sua falta de sucesso em aprender isso ou aquilo e sua e apenas sua.

- Nossa Haw seu grosso!
- Foi mal minha amiga fã de Yuri on Ice, apenas verdades.

Como já disse antes em outras matérias, não adianta nada você ler esse blog todo e não colocar em prática tudo o que você aprendeu.

Seu traço está ruim e você está insatisfeita com ele certo? Então tome logo uma atitude e assuma que o problema só pode ser resolvido por você e mais ninguém.

Entenda que você está no controle da sua vida e que o seu redor não deve te afetar, então deixe essas vozes que pedem para você procrastinar e comece a ouvir os seus verdadeiros desejos, você quer melhorar seus desenhos? Então assuma essa responsabilidade e comece a estudar e trabalhar e deixe as desculpas de lado!

A partir deste momento você entendeu que se seu traço é ruim a culpa é sua, e que a responsabilidade de melhorar ele é apenas sua também. E te garanto não há nada melhor do que conquistar o mérito de ter obtido a maestria em uma técnica nova.

Para finalizar.


Mostre ao mundo seus trabalhos, você nunca saberá onde você quer chegar sem ter a opinião de alguém.

Registre suas conquistas e derrotas, aprenda a trabalhar com objetivos claros, tudo isso vai te ajudar muito a melhorar seus trabalhos.

Assuma seu sonho, se você quer melhorar seus desenhos saia de vez da inércia e comece a desenhar AGORA! Não há desculpa para falta de tempo, na verdade não a desculpa para nada. Não é nada legal dizer que você tinha um sonho que não se realizou por motivo X ou Y a verdade é que seu sonho não se realizou pois você não assumiu ele de corpo e alma.

Assuma seu traço e seu nível, se você não está satisfeita com seus trabalhos tome logo uma atitude e comece a estudar de verdade, tempo sempre vai existir para quem quer realizar um sonho, acredite em mim. 

Por fim minha amiga e meu amigo, como eu sempre digo o caminho do artista mangaka não é fácil, e não é fácil nem aqui nem no Japão, então compartilhe suas duvidas, suas conquistas e suas frustrações, e assuma que você quer ser um bom desenhista e faça algo pelo seu traço.

Boa sorte com seus estudos e sempre que precisar podem me chamar aqui no blog ou no Twitter sempre que eu puder irei ajuda-las.

Até mais.



Como desenhar mãos.

Como desenhar mãos.

Descomplicando o estudo de mãos.



E ai galera como vão?


Hoje vamos falar mais um pouco sobre mãos, um assunto que assusta muita gente e deixa a maioria dos estudantes frustrados.

Desenhar mãos não é fácil, mas não apenas pela complexidade envolvidas nas partes de se desenhar os dedos a palma e o punho, o maior problema é que nos falamos mais com as mãos do que com a boca.

O que quero dizer é que as mãos fazem parte da expressão corporal isso é óbvio o problema acontece quando os estudantes se focam mais em fazer dedos delicados e mão perfeitas e esquecem do gestual das mãos.

Como podem ver o assunto é complicado e por isso mesmo eu vou descomplicar isso para vocês então vamos começar, antes eu recomendaria a leitura do livro "Drawing dynamic hands" do Burne Hogarth infelizmente não há tradução para esse livro.

Para explicar esse assunto vou usar um meme bacana do John Travolta de referêrncia.


A ideia não é apenas por ser uma imagem engraçada mas pelo fato dela transmitir uma mensagem mesmo sem texto. Esse é o ponto do gestual passar a mensagem através do gesto e nada mais.


Continuando.

O primeiro passo como eu disse na matéria sobre como desenhar a expressão corporal é observar o modelo antes de sair desenhando, a observação é um ponto muito importante e demora um certo tempo para perceber a diferença entre observar e apenas enxergar.

Extraindo o gestual da cena teríamos o seguinte desenho.

Lembre-se que o gestual é o desenho mais simples que representa o movimento do personagem.

A partir do gestual começamos a aplicar nossos conhecimentos em proporção e anatomia.

Nessa parte já colocamos o volume e acertamos as proporção, também colocamos alguns objetos importantes.

O problema de desenhar a mão é que muitas pessoas focam toda sua atenção para elas, mas a verdade é que as mãos fazem parte de um todo, antes de desenhar as mãos do seu personagem analise bem se a postura e o gesto dele estão passando a mensagem que você deseja transmitir, caso contrario mesmo que você saiba desenhar super bem a anatomia das mão elas vão ficar estranhas.


Nossa mão tem infinitos movimentos e ela pode se "moldar" e muitos formatos diferentes, como no exemplo acima vemos que a palma da mão é mais complexa de ser desenhada do que a mão fechada, então vamos descomplicar essa parte.

O que tona nossa mão complicada é o fato dela ser feita de muitas partes que enxergamos como um todo, a partir do momento que você consegue entender cada parte da mão ela se torna mais simples. 

Então vamos a explicação da imagem.
  1. A palma da mão se liga ao punho pelos ossos do antebraço, o osso ligado na mesma posição do dedo polegar é o rádio o osso mais curto do antebraço, e o  osso ligado na direção do dedo mindinho é o cúbito ou ulna o osso mais longo do antebraço, é importante saber disso pois o dedo mindinho está sempre na direção do cotovelo. 
  2. A palma da mão tem mais ou menos a proporção do dedo do meio (ou dedo médio) sabendo que a mão aberta tem a proporção de uma cabeça.
  3. Os dedos são feitos de 3 partes expostas fora da palma da mão, desenhar essas 3 partes facilita a ideia de movimento do dedo.
Explicando um pouco mais.

A palma da mão pode ser simplificada dessa forma, isso vale para desenhar ela de frente ou de costas o importante aqui são os pontos destacados em azul, veja que há dois círculos e um  triangulo, esses dois círculos não são do mesmo tamanho, perceba que o que será o polegar é maior e sai da linha do punho fazendo uma curva mais acentuada, já o circulo que aponta para o dedo mindinho tem uma curva mais sutil ligada ao punho.

Perceba também que o triangulo na parte interna aponta para o centro da mão e suas outras vértices apontam para o inicio do dedo indicador e para o dedo mindinho, sabendo onde ficam esses dois dedos fica óbvio encontrar o dedo anelar e o dedo médio.

Voltando ao desenho do John.


Neste momento eu não me preocupo muito em fazer um traço bonito e correto o que mais importa é saber a localização dos dedos e o movimento das mãos, o movimento do corpo também é extremamente importante, o próximo passo seria a filtragem destes rabiscos. Antes percebam que eu não desenhei os dedos como um objeto interiço, eu desenhei parte por parte de cada um deles. 


Nesta última imagem já temos um desenho satisfatório, mas ainda não finalizado ainda há muito para trabalhar o mais importante é que já acertamos o gestual da cena, os pequenos detalhes são acertados conforme a arte final vai caminhando, é claro que se eu fosse fazer isso aqui entraria em outro assunto que não vem ao caso no momento.

Finalizando.

Você não vai aprender a desenhar mãos de um dia para o outro, mãos são um dos detalhes mais importantes do gestual e precisam de muita atenção para fazer parte de toda a expressão que você quer transmitir para o espectador.

Nãos saia apenas desenhando as mãos como um louco, ao invés disso tente entender sua mecânica e sua dinâmica, entender o que estamos desenhando pode ser melhor do que sair fazendo releituras a torto e direito.

E por último tenha paciência, você não está sozinho nessa, todos os estudantes de desenho passaram aperto para desenhar mãos.


Então galera é isso ai espero ter ajudado vocês qualquer duvida ou sugestão é só usar os comentários.

Até mais.

Como desenhar o corpo masculino e feminino parte 1

Como desenhar o corpo masculino e feminino 

parte 1



Eu acho


Atenção conteúdo recomendado a maiores de 16 anos, 
todos os assuntos aqui abordados tem como único objetivo o estudo da anatomia humana.



Yo Galera.

Lembre-se de visitar meu tapastic.

E então eu estava no meu Twitter vendo a galera reclamar muito que não conseguem desenhar homens, e eu olhei as postagens do blog e as matérias sobre como desenhar homens são as que tem mais visitas, então decidi falar um pouco mais sobre o assunto, então pegue seu sketchbook e vamos estudar um pouco.

O maior problema para as pessoas que começam a desenhar é que a maioria dos livros e sites voltados para este assunto apresentam mais estudos com modelos de mulheres do que de homens, isso acaba criando um vicio na pessoa fazendo que quando ela tenta desenhar um homem ele acaba ficando andrógeno, ou seja, sem um sexo definido.

Para evitar isso você precisa entender as diferenças mais drásticas entre os corpos, e eu não estou falando apenas de cintura, seios e ombros.

Sempre que temos um problema com desenhos precisamos ver a sua base, e a base é o esqueleto, em uma primeiro olhada percebemos a única diferença referente a altura, só que, há mulheres mais altas que homens e homens mais baixos que mulheres, então a altura não é e nunca será referência de diferença drástica entre os esqueletos. A verdadeira maior diferença está no osso da pelve conhecido popularmente como bacia. 


A  pelve feminina é mais larga para permitir o parto, por conta disso a mulher possui a cintura mais estreita e o quadril mais largo, isso modifica o desenho do corpo e mesmo que a sua personagem não tenha seios avantajados e seja um pouco mais gordinha desenha-lá com o quadril mais largo deixará o corpo dela mais feminino. Porém se você fizer isso em um personagem masculino terá problemas sérios para definir o sexo dele.

Mas não para por ai existem pontos mais sutis.

Neste esboço percebemos que ambos tem a mesma altura e a mesma largura de ombros, ou seja é sim possível uma mulher ter ombros largos e um homem ter ombros estreitos isso não é um ponto chave do corpo, os pontos chave são a cintura e a região da virilha.

O homem não tem cintura por conta do osso a pelve ser estreito, o corpo tem a cintura reta por mais bombado que o cara seja, isso só muda se o homem for gordo, mas vou falar sobre isso mais a frente.

Outra diferença é o espaço entre as penas que existe na região das genitálias, a mulher tem um espaço entre as pernas o homem não tem por motivos obvieis. 

Essas são as diferenças nos corpos, é claro que isso muda muito quando a pessoa está acima do peso e eu digo muito acima do peso, mas ainda assim há diferença entre os corpos.


Quando acima do peso o corpo se modifica, ainda assim há diferença que podem definir o sexo da personagem, os homens acumulam gordura na região da barriga, as mulheres acumulam gordura na região dos quadris, há também um aumento de tamanho em várias outras regiões do corpo.

Personagens gordinhos são raros, os desenhistas pouco estudam o corpo acima do peso o que acarreta em problemas futuros quando ele precisar ilustrar pessoas que estão acima do peso, e convenhamos, o corpo humano não tem um padrão acadêmico como é ilustrado em vários livros de estudo.

Usamos estes padrões para facilitar os estudos, afinal, se não houvesse uma forma de organizar a imensa quantidade de tipos físicos o estudo do corpo humano seria ainda mais complicado.

Um outro padrão que pode ser usado como base para seus estudos são os três tipos de corpos conhecidos como: 

Ectomorfo > pessoas que tem ossos finos e longos, possuem dificuldades em ganhar massa muscular e acumular gordura.

Mesomorfo > pessoas que tem densidade óssea e tem facilidade em ganhar massa muscular, o acumulo de gordura é intermediário. 

Endomorfo > pessoas com densidade óssea enorme e tem grande facilidade em acumular gordura corporal, em contrapartida possuem uma grande facilidade em ganhar massa muscular.


Neste caso essa ilustração mostra como são os três tipos de corpos para fisiculturistas.


E aqui os três tipos de corpos femininos, percebam que nesse caso as modelos não são fisiculturistas.

E por enquanto é só, se sobrar um tempo semana que vem eu continuo o assunto com vocês.

Até mais.

Como desenhar a expressão corporal.

Como desenhar 

a expressão corporal.


E como de costume mais algumas dicas.

Atenção matéria recomendada para maiores de 16 anos,
 todo o conteúdo dessa publicação tem como único objetivo a educação 
e o aprendizado sobre a anatomia humana.


E ai galera como vão?

Então, mesmo com todo o trabalho aqui finalmente estou conseguindo retomar a regularidade das postagens e hoje irei falar de um assunto de grande importância que é negligenciado pela maioria dos estudantes de desenho.

Muitas pessoas deixam de estudar o gestual e começam a estudar a anatomia, isso não é errado, mas os dois assuntos deveriam ser estudados juntos e não separados, o nosso corpo fala muito mais que nossa boca e todos nos sabemos disso, a expressão corporal dá movimento a imagem e representa melhor o nosso storytelling.

Sem o gestual nosso desenho fica parecendo uma placa de papelão.

Então vamos lá, vamos começar a estudar o gestual.



O gestual é um desenho "simples" como demostrado acima, a ideia do gestual é capturar o movimento do corpo deixando de lado todos os detalhes de volume e anatomia, a única coisa que você deve se preocupar é entender o movimento do corpo.

Vamos a outro exemplo.

Imagem retirada do SketchDaily, depois eu falo mais sobre esse site.

A primeira ideia que vem na sua cabeça ao ver um modelo vivo é:

Desenhar a cabeça com um circulo perfeitamente redondo.
Contar as cabeças para marcar as proporções.
Encontrar as articulações e montar o esqueleto primário.
Começar a esboçar a anatomia.
Errar tudo.
Começar de novo.
Desenhar a cabeça com um circulo perfeitamente redondo.
Contar as cabeças.
Errar.
Começar de novo.

E assim por diante.

Esse é o processo que nos vemos em muitas revistas e sites que falam sobre o assunto, mas a verdade é que o gestual é um assunto totalmente diferente disso. E a melhor parte é que ele evita o retrabalho, assim seu desenho sai mais rápido e você tem menos problemas com a frustração de ter que ficar redesenhando os mesmos erros.

No gestual não devemos nos preocupar com detalhes como eu disse antes, o importante é capturar o movimento da personagem.



Aqui as duas imagens, ao lado temos o gestual que é a captura mais simples do movimento da personagem, existem alguns pontos importantes sobre o gestual.

Primeiro ele tem de ser rápido, você tem de ser capaz de fazer um gestual em menos de 30 segundos.

O gestual precisa ser simples mas dinâmico e expressar o movimento.

Para tanto você precisa exagerar o movimento e não copiar exatamente o movimento do modelo.

As proporções são importantes, mas o movimento é muito mais importante sempre tenha isso em mente.

Vamos a mais um exemplo.



Neste caso parece que não temos movimento pois a modelo está em uma pose parada, mas ainda assim temos a expressão corporal que é um movimento sutil, esses movimentos sutis que são os pontos chaves para se fazer uma ilustração de sucesso, capturar a emoção do corpo com poucos traços é algo complicado que demora um tempo para aprender, portanto você DEVE estudar o gestual todos os dias, isso mesmo todos os dias sem interrupção. 

Percebam que no gestual ao lado eu exagerei um pouco algumas linhas e há outro detalhe importante sobre o gestual.



O gestual não é o contorno do corpo da modelo, e nem adianta tentar fazer como a imagem do lado, colocar a foto por baixo e desenhar por cima é extremamente errado, o movimento não é capturado dessa forma e lembre-se de algo importante.

TRACING É COISA DE NOOB LIXO!

Então com devo estudar o gestual?

Vamos falar sobre isso depois dos comerciais.

Como estudar o gestual.


É necessário entender que o gestual é a parte mais importante da ilustração, portanto esqueça todos os outros detalhes, por isso mesmo o gestual se parece com um hominho palito.

Para estudar o gestual ou gesture você não pode se basear em outro desenho de outro artista ou em algum modelo 3D isso vai confundir sua cabeça, o mais correto é usar modelos reais para estudar esse assunto, para tanto você pode usar sites ou visitar grupos de estudo de modelos vivos.

Um site bom é o DailySketch.

O bom dele é que dá para programar o tempo para cada imagem, tente desenhar em 30 segundos se estiver muito difícil tente aumentar um pouco tempo pra 1 minuto ou 2 minutos no máximo, e quando você estiver mais confiante comece a abaixar o tempo até chegar nos 30 segundos.

Lembre-se um bom desenho gestual é feito em poucos segundos, eu levo em torno de 5 a 10 segundos para fazer um gestual.

Pense que na vida real ninguém fica parado por muito tempo e você tem que capturar esse movimento das pessoas em poucos segundos.

http://reference.sketchdaily.net/pt/

Outro muito bom é o SenshiStock. Eu dou preferencia a este pois os modelos parecem mais naturais que no DailySketch porém não é possível programar o tempo para fazer os desenhos, então só use esse site quando você conseguir fazer seus gestuais em poucos segundos.

http://senshistock.deviantart.com/

Mas enfim Haw por que é errado se basear em outra ilustração? Existem muitos desenhos de referencia que são tão bons na internet.

Simples, quando você se baseia em outro desenho você está coletando os vícios do artista que fez a obra, para desenvolver o próprio estilo você deve se basear na realidade e não em outro artista.

Você até pode admirar a obra de alguém e colher o que cada artista tem de melhor, mas se você apenas se basear em outros artistas seu traço NUNCA irá evoluir.

Continuando os estudos vamos analisar a imagem a abaixo.


Ai temos uma imagem muito dinâmica, antes de sair rabiscando feito um doido preste atenção na imagem como um todo, esse é um dos processos para entender não apenas o gestual mas também o storytelling.

Antes de desenhar você deve entender as linhas de ação (eu que chamo assim viu não sei se algum outro artista chama dessa forma essas linhas mas enfim D: )

Linhas de ação seriam tipos de traço que mostram o movimento do modelo.

Se você leu SIKV é exatamente isso mesmo, esses traços são as linhas de movimento, o S é uma linha sinuosa que possui um movimento lento e equilibrado, o I é uma linha reta com energia e estática, o K seria uma linha de movimento que se quebra com baixa energia e equilíbrio e o V seria uma linha de movimento forte e abrupto, vamos encontrar essas linhas na fotografia acima.



Nessas imagens conseguimos encontrar estes traços, geralmente os movimentos apresentam mais de um desses traços, com o gestual pronto você tem mais ideia do que quer desenhar e só depois de encontrar o movimento você poderá iniciar o esboço com as proporções corretas, vamos continuar com essa ideia.

Obedecendo as linhas de movimento o esboço da ilustração aparece com mais facilidade, é claro que falta muita coisa para ser feita, prestem atenção é nessa parte que começamos a colocar mais detalhes e não na parte anterior, aqui já pensamos em volume anatomia e proporção, diferente da primeira parte onde temos o foco apenas em capturar o movimento.


Nessa imagem procuro as sombras e a luz da ilustração, bem a partir daqui o processo começa a ficar cada vez mais lento e detalhado, essa é a parte onde a gente já começa a ver o resultado esperado.

O que eu quero que vocês entendam é que este desenho partiu da base gestual. Sem o gestual não iriamos chegar a este ponto com o movimento correto, provavelmente o desenho estaria menos dinâmico e dramático.





O maior erro das pessoas que iniciam os estudos de desenho é que a maioria parte do terceiro exemplo negligenciando duas partes muito importantes que seriam: 

A observação do modelo real e a captura do movimento através do desenho gestual .

Quase todos os sites, revistas e livros não partem desses dois pontos, o que acaba prejudicando os estudos e os desenhos em alguma parte do seu processo de desenvolvimento do próprio estilo.

Bem agora que você sabe disso por que não começa a estudar desta forma?

Procure sites e imagens e principalmente saia a campo para observar as pessoas e faça o estudo do gestual sempre que possível.

Bem é isso galera a gente se vê na próxima semana se tudo der certo.

Até mais.


Contato

ricardohaw@gmail.com

Latest Post

Creative Commons

Licença Creative Commons
O trabalho Como Desenhar-mangá de Ricardo Haw está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://comodesenhar-manga.blogspot.com.br/.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://comodesenhar-manga.blogspot.com.br/.